Resenha: Se Fosse Fácil era para os Outros - Rui Cardoso Martins [Editora LeYa]

02 agosto 2013

Cinco amigos portugueses resolvem fazer uma viagem aos Estados Unidos, atravessando o país de carro, eu diria que o relato de viagem deste 5 amigos é praticamente uma viagem anti-turistica, por tudo que ocorre e é narrado no livro. 


Se Fosse Fácil era para os Outros
Rui Cardoso Martins 
Exemplar cedido pela parceria com a editora LeYa
E-book
191 páginas
2013
Coleção Novíssimos


O livro começa com nosso narrador, que acabara de sofrer uma perda importante na vida, se deparando com um mundo que desconhece e desconsidera o ser humano, com um mundo que desconhece o que lhe aconteceu e ele percebe isso através da imensa quantidade de cartas que a pessoa a qual acabou de perder continua recebendo, dentre elas promoções, ofertas e um cartão de crédito e é com esse cartão que será pago toda a viagem dos amigos ao país do outro lado do Atlântico. 

Os 5 amigos passam por diversas cidades sempre narrando suas próprias vivências associado à acontecimentos ou locais históricos dos Estados Unidos, como a questão dos índios norte-americanos massacrados, o Katrina, a escravidão sulista, a invasão do oeste, a imigração mexicana pelos desertos do sul e muitas outras coisas servem como pano de fundo às histórias pessoais dos nossos 5 personagens, narrador (sem nome), Luís, João, Carlos e Adriano, todos portugueses, todos um tanto quanto decepcionados pela vida mas, que como bons portugueses continuam comendo sardinhas por onde vão!

O livro me soou um tanto estranho na sua narrativa no início, é como se o narrador estivesse em um bate-papo com o leitor mas, com a sensação de que ele nunca te ouvisse. Sabe as pessoas que precisam falar e de repente começam e não param mais? Pois é, este é nosso narrador. Ele vai articulando suas falas com as de outras personagens, ao mesmo tempo que narra um acontecimento histórico. Leva um tempinho para acostumar com a forma como este autor escreve mas, quando você acostuma é como se estivesse dentro do carro com os 5 amigos. 

Rui Cardoso Martins tem um dom especial de fazer o seu leitor entrar dentro da história e fazer de conta que também estamos ali, viajando e conversando com figuras divertidas e melancólicas ao mesmo tempo. A história é uma mistura de sentimentos, ao mesmo tempo que num paragrafo você ri, no outro sente como se tivesse tomado um soco no estômago. Eu diria no fim que é uma história melancólica, banhada de pessoas que não atingiram o que imaginaram que conseguiriam, que perderam o que mais amavam ou que sonhavam além do que deviam. 

É uma história de aventuras dentro de um carro que percorre os Estados Unidos mas é também uma aventura dentro da alma do ser humano, seres humanos com os corações partidos. 

Não sei porque, mas ao final do livro fiquei com a sensação de que seria uma ótima história para ser ver no cinema, talvez porque eu mesma fiquei imaginando a cada acontecimento narrado, a cada cenário descrito esta aventura, talvez isso seja um dos grandes méritos deste autor a sua capacidade de te enredar e fazer mergulhar dentro da história.

A verdade é que não sei bem como resumir esta história nem mesmo explica-la de uma forma linear e inteligível, porque assim como já vi outras pessoas comentarem sobre livros da Coleção Novíssimos, tem uma narrativa a qual não estamos acostumados, tem uma proposta completamente diferente, enfim acho que cada um que ler tirará uma ideia e um conceito diferente deste livro, e isso é fantástico. Só posso dizer uma coisa: leia !

Bom, mais do que recomendo, excelente leitura!





Até mais !




14 comentários:

  1. Eu desde que vi a primeira resenha sobre um desses livros da coleção Novíssimos, tenho vontade de comprar. Dizem que a escrita é bem diferente e os títulos são originais.
    Agora, deu vontade de ler mesmo esse livro quando você mencionou que ele tem algo de melancólico. Sou atraída por histórias assim.
    triplobooks.blogspot.com

    ResponderExcluir
  2. Gosto muito de road movies, mas minha primeira experiência com história de estrada em texto (On the Road) não foi muito satisfatória. Talvez seja um problema específico com o livro que eu li; talvez seja uma falta de identificação com o estilo. Não sei. Não estou no espírito para encarar outra viagem de carro no momento, mas deixo sua dica anotada para uma leitura futura ;)
    bjo

    ResponderExcluir
  3. Eu gostei muita da proposta dessa Coleção Novíssimos da Leya. Mas não li nenhum ainda, o que primeiro me chamou a atenção foram essas capas (lin-das!), daí esses títulos cheios de possibilidades...e como você disse, pela maneira que em nenhum resenha que eu leia deles, eu consiga entender bem o que se passa nos livros...é daquelas história que você mesmo tem que ler né? Pra ver por você mesmo. Mas eu adorei seu ponto de vista ^^

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. é sim, é daqueles livros que cada um tem que ler e se aventurar, tirando suas próprias conclusões. bjos

      Excluir
  4. Poxa, Melissa...que linda resenha! Fiquei com vontade de ler. Realmente, há livros em que fica complicado escrever o que a leitura nos transmite com palavras... são sentires novos e por isso, estranhos. Parece que esta coleção novíssimos é todinha boa. Quero ler! ;)

    ResponderExcluir
  5. oie Melissa
    ainda não li nenhum livro que traz uma viagem de carro e as experiências vividas na viagem. Acho muito interessante premissas assim, e morro de curiosidade. Também gosto de conhecer novos tipos de literatura, e que eu me lembre ainda não li nada de um ator português.
    Dica anotada.
    bjos

    ResponderExcluir
  6. Outro dia na livraria eu quaaase comprei esse, mas acabei passando outro na frente. rs Mas o bom é que agora tendo o seu aval, fica um ponto a mais pra ele.. ;o)

    Xerinhos, lindeza!
    Paty

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. ownn que lindeza de comentário Paty ! obrigada bjão

      Excluir
  7. Sério, nunca ouvi falar desse livro! :x
    E parece ser tããão bom >.<
    Acho legal isso de nos depararmos com uma narrativa totalmente nova, que não estamos acostumados. Acho que é isso a magia da leitura... Sempre encontrar algo novo, se surpreender. E acho também, que esse pode ser um ótimo livro para 'se surpreender'.
    E caraca, como sua resenha ficou realmente ótima. Quero ler, sim ou claro? :)

    Abs
    Ronaldo Gomes
    livrosobrelivro.blogspot.com

    ResponderExcluir

Olá ! Obrigada pelo comentário, ele será respondido aqui mesmo, ok!?
Obrigada pela visita e até mais!

 
FREE BLOGGER TEMPLATE BY DESIGNER BLOGS