Sobre séries : True Blood

01 março 2013

Olá !

Eis-me aqui para falar de mais uma das minhas séries favoritas : True Blood.



True Blood foi uma série que de cara, no seu lançamento, eu quis acompanhar, porque? Ora, é fácil, o roteirista é nada mais nada menos que Allan Ball !

O criador da série : Allan Ball

Peraí, você não conhece Allan Ball ? Tudo bem, vou explicar .... Allan é o criador da série mais linda do mundo, Six Feet Under, produção já encerrada da HBO, mas que na minha mísera e humilde opinião é a melhor série dramática já produzida na televisão mundial. É, pois é ... eu adoro !

Quem quiser saber mais sobre Six Feet Under já fiz um post falando só sobre a série, é só clicar aqui.

True Blood teve sua primeira temporada em 2008, e hoje continua firme e forte na sua 5º temporada transmitida pela HBO em 2012 mas com a sexta já garantida. 

True Blood fala sobre a co-existência de humanos e vampiros, quando estes últimos resolvem "sair do armário" e se revelar ao mundo. Com isso, vem politicagem e muitas outras coisas como uma bebida para que eles, os vampiros não precisem tomar sangue humano : o Tru Blood !


A série gira em torno da garçonete Sookie Stackhouse (Anna Paquim) e o vampiro Bill Compton (Stephen Moyer) que se apaixonam e começam a viver a relação humana-vampiro (na vida real também!!). Além disso, Sookie é telepata, ou seja, tem um dom especial de ouvir os pensamentos das pessoas que a rodeiam.

Claro, que os vampiros não são lá muito bonzinhos, a convivência e a amabilidade entre os dois grupos fica mesmo a cargo da mídia e dos que lidam com a política do bom relacionamento. 

Mas Bill é um vampiro que vive isolado e é daqueles que não se sente a vontade por ser um vampiro, um tanto quanto à la Louis de Entrevista com o Vampiro. A eterna culpa por beber sangue humano ronda a vida de Bill, que deixa aos poucos seu isolamento depois que conhece Sookie. 

Outros vampiros, a grande maioria na verdade, não compartilha a "bondade" e tolerância a humanos como Bill. Além de vampiros, aos poucos nas temporadas, outros seres nada convencionais são incorporados a história, como seres que podem mudar de forma, lobisomens, bruxas etc etc.

A história se passa no sul dos Estados Unidos, todas as personagens apresentam aquele sotaque carregado sulista norte-americano, o que pode as vezes ser irritante. A cidade onde vivem se chama "Bon Temps" no estado da Louisiana. 


A interpretação de Anna Paquim é o destaque da série, a qual lhe rendeu alguns prêmios, como o Emmy e o Globo de Ouro de melhor atriz. 

Stephen Moyer pode as vezes ser um tanto quanto morno e com aquela mesma cara em todas as cenas, mas na minha opinião, graças a interação entre ele e Anna, a série dá certo. 

Mas veja bem se você tem menos de 18 anos ou se você tem mais, mas costuma assistir televisão com seus filhos, não assista True Blood, assim como outras séries da HBO e do próprio Allan Ball, a série é regada de cenas de sexo, por isso não recomendada para menores de 18 anos. 

Capa da revista Rolling Stones americana de setembro de 2010


Bom se você gosta de vampiros, e digo vampiros de verdade (nada de brilhar no sol), os maus, que dormem em caixão, e tem seu charme mas que não perdem a chance de morder um pescocinho e dilacerar uma jugular, True Blood é a sua série, because they want do bad things with you ! :)

E qual a sua opinião sobre True Blood ?

Até mais !




5 comentários:

  1. Assisti a alguns episódios, e apesar de ter gostado, acabei não continuando. O que mais curti foi meio que a metafora por trás: a "luta" dos vampiros para serem vistos como cidadãos comuns me lembra a de várias minorias...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Fato Isabel é verdade, essa busca pelo direito dos vampiros pode levar a essa metáfora mesmo!
      abraços

      Excluir
  2. Essas séries novas sobre vampiros ainda não me atrairam. Parece que todos são um rebanho proveniente da costela de Edward! Mas quem sabe futuramente não dou uma chance para Ture Blood, né?

    Um beijão,
    Pronome Interrogativo.
    www.pronomeinterrogativo.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Thaís ... mas True Blood não tem nada a ver com Crepúsculo não ! Eu não curto os livros do Crepúsculo justamente pela forma como a autora caracteriza os vampiros, mas True Blood não tem nada a ver não, pode ficar tranquila! :)
      abraços

      Excluir
  3. Pela capa da revista já da pra saber o nivel do negocio. kkkkkkkkkk
    Assisti a primeira temporada de TB, mas não tive mais pique para ver o resto. Tenho até vontade de comprar os boxes e assistir com calma, mas me falta dinheiro. Agora só nas ferias para ver.

    Bjs, @dnisin
    www.seja-cult.com

    ResponderExcluir

Olá ! Obrigada pelo comentário, ele será respondido aqui mesmo, ok!?
Obrigada pela visita e até mais!

 
FREE BLOGGER TEMPLATE BY DESIGNER BLOGS